A primeira edição foi em Maio de 2017.
Laboratório Hackerativista Urbano
[Cocriação e Participação]
Brooklynzinho — 2017



É um programa de formação de coletivos temporários para experimentação de projetos de inovação social urbana a partir de ferramentas tecnológicas, tecnologias sociais e conexão com arte e ativismo.

Ao longo de 5 dias os facilitadores Marcela Santos e Leonardo Brawl Márquez conduziram conteúdos e práticas para a criação de um coletivo temporário formado por 16 pessoas das mais diversas áreas de atuação, para aulas teóricas e exercícios práticos, desde a introdução em temas de programação livre, urbanismo tático, passando pela cocriação de um projeto e a sua prototipagem e instalação in loco, num total de 40 horas de atividades no seguinte cronograma:

Etapa 01 / primeiro dia
- Introdução ao Arduino (09h às 13h e 14h às 18h)

Etapa 02 / segundo dia
- Hacker a cidade (09h às 13h)
- Cocriação (14h às 18h)

Etapa 03 / terceiro dia
- Prototipação (09h às 13h e 14h às 18h)

Etapa 04 / quarto dia
- Finalização (18h às 22h)
Etapa 05 / quinto dia
- Instalação (09h às 13h e 14h às 18h)

O resultado foi uma instalação cocriada, que uniu conceitos de programação, hardware e software livres + ativismo, urbanismo tático e placemaking, com o objetivo de ajudar no processo de ativação do entorno de um Viaduto na região central de Porto Alegre.


Apresentação do programa no primeiro dia.


primeiro dia - introdução ao Arduino



segundo dia - Hacker a cidade



segundo dia - Co criação



LOCAL: BROOKLYNZINHO

Uma passagem estreita entre a parte elevada de um viaduto e o alinhamento das três fachadas - a de uma edificação históric (aparentemente abandonada), a de um condomínio residencial e a de um conjunto residencial e comercial (recentemente reformado) é o local da intervenção.

Esta localização possui um grande valor social para a chamada cena underground da cidade, onde acontecem uma série de atividades de interesse cultural, como festas, shows, feiras, atos políticos e eventos esportivos, sempre convivendo com a população em situação de rua que é residente do baixio do viaduto e do entorno do largo.

A região é a intersecção do Centro Histórico com a Cidade Baixa, além de estar ao lado do Campus Central da UFRGS e de todo o complexo dos hospitais da Santa Casa de Misericórdia.









PROTOTIPAÇÃO

São 10 metros de fitas de LED RGB, controladas por dois Arduinos Uno, com sensores que captam o movimento e a proximidade dos transeuntes, de modo que ativam os comportamentos das luzes que variam em intensidade, cores, oscilações e movimentos.











INTERVENÇÃO: CONCEITO E PROJETO

O grupo idealizou uma intervenção no espaço público que fosse útil, lúdica e que gerasse alguns dados para questionamentos e diálogo futuros sobre a passagem que, apesar do descaso da Adminsitração Pública, é bastante utilizada pelos pedestres da região.
Partindo da questão do fluxo de pessoas, o projeto propôs 03 reações para os dispositivos instalados na passagem:

1º) sensores instalados ao longo da travessia acionam lâmpadas de LED que “acompanham” os pedestres com variação de cores.

2º) sensores num ponto A e num ponto B “contam” as pessoas que realizam o trajeto completo.

3º) os dados da contagem são enviados para um perfil do twitter de maneira remota, registrando publicamente o uso do local.









INSTALAÇÃO

A instalação contou com o apoio dos moradores e comerciantes locais, que ficaram felizes com a iniciativa, frente ao descaso que a região recebe da Administração Pública.










PROTÓTIPO INSTALADO







1º Turma do Laboratório Hackerativista Urbano:
Alessandra Guglieri (produtora)
Caroline Gallicchio
Clarissa Cardoso
Daniel Hartmann
Eduardo Saavedra
Fausto Isolan
Guilherme Souza
Gustavo Pflugseder
Gustavo Saibelman
Leonardo Brawl Márquez (Facilitador)
Letícia Cecagno
Marcela Santos (Facilitadora)
Marco Antônio da Rocha
Marta Montagnana
Matheus Schmidt
Thiago Druciaki




Realização:
TransLAB.URB

Apoio:
Instituto Translab, Placemaking Brasil, Bugio Discos e Novetrês.


TransLAB.URB ︎ Porto Alegre - RS - Brasil.
︎  ︎  ︎  ︎  ︎         oi@translaburb.cc